Lojistas de shopping desaprovam novas medidas de combate à pandemia do governo de SP
28/01/2021 03:59 em Economia

Com a reclassificação do Plano São Paulo, as lojas de shopping passarão a funcionar em horário reduzido em 78% das regiões do estado, enquanto o comércio ficará fechado em Presidente Prudente, Bauru, Marília, Sorocaba, Taubaté, Barretos e Franca. 

As novas restrições começam a vigorar a partir de hoje, (26) até 07 de fevereiro, onde aos sábados e domingos todos os shoppings estarão fechados e os setores não essenciais encerram suas atividades após às 20h em dias úteis. 

A ALSHOP (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping) e outras 30 entidades enviaram um ofício ao governador João Doria, pedindo a reabertura do comércio e das lojas de shoppings no horário regular das 10h às 22h. 

Desemprego e ameaças - A entidade vê com temor as medidas que podem levar a mais desemprego no setor. Só no estado de São Paulo são 234 shoppings com 34 mil lojas, e cerca de 180 mil empregos diretos. "Certamente teremos impacto negativo com menor quantidade de horas abertas e, consequentemente, ainda menos movimento, o que ainda vamos avaliar com nossos associados.", comenta Nabil Sahyoun, presidente da ALSHOP.

Outro ponto crítico, segundo a entidade, é o recente decreto do Governo do Estado de São Paulo que determinou o aumento do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), o que encareceu os produtos do varejo em até 13,4%.

Novo horário de funcionamento - De acordo com a ALSHOP, o horário de funcionamento das lojas de shoppings mudarão novamente, obedecendo às 8 horas diárias e a capacidade reduzida em 40%, sendo assim, das 12h às 20h, de segunda a sexta-feira, e aos sábados e domingos, os empreendimentos ficarão fechados até dia 7 de fevereiro quando haverá nova classificação do ‘Plano São Paulo’.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Clique no banner abaixo e anuncie conosco